Clínica Médica e Spa Semente Cristal | Termas do Gravatal | SC

Horário: : Segunda à Sábado das 8h00 às 20h00
  Contato : (48) 3648.2087 | (48) 98415.1710

Todos posts por Carlo Hackmann

Acupuntura em Pediatria

Não importa se ela é aplicada com agulhas, sementes, esferas metálicas ou laser: a Acupuntura Médica traz benefícios para o seu filho desde o nascimento, como melhora no sono e diminuição de problemas respiratórios e gástricos.

Na Semente Cristal o tratamento com Acupuntura para crianças é realizado mediante avaliação médica cuidadosa e habilitada. Leia abaixo a reportagem de Gislene Pereira para a Revista Crescer da Editora Globo para saber mais.

images (1)

Acupuntura para crianças e bebês

Você já pensou em tratar o seu filho com acupuntura? “A acupuntura é reconhecida no Brasil como uma especialidade médica, aplicada com sucesso em áreas como pediatria, ortopedia e ginecologia”, esclarece a médica pediatra Márcia Yamamura, responsável pelo Ambulatório de Acupuntura e Pediatria e Adolescência da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Para a medicina tradicional chinesa, a má distribuição da energia vital é a responsável pelas enfermidades do corpo, desde o nosso nascimento. Ao estimular determinados pontos de acupuntura, o organismo conseguiria restabelecer seu equilíbrio, combatendo esses males. Entretanto, o médico pediatra Lo Sz Hsien, do Colégio Médico de Acupuntura de São Paulo, conta que o método ainda encontra resistência no Ocidente, entre os pais de crianças: muitos deixam de adotá-lo por temerem que as agulhas machuquem seus filhos.

Os benefícios da acupuntura vêm sendo amplamente estudados nos últimos anos: por ressonância magnética, é possível notar que o cérebro é ativado em diferentes áreas, conforme os pontos de acupuntura são acionados, segundo explicam os especialistas ouvidos pela CRESCER.  “Ao receber o estímulo, o cérebro promove a liberação de substâncias como serotonina, dopamina e noradrenalina que, por sua vez, vão atuar nos sistemas endocrinológico e imunológico – e eles,  finalmente, vão agir nos demais órgãos do corpo, favorecendo-os”, ensina Hsien.

020170118221111

QUANDO A ACUPUNTURA É RECOMENDADA?

A acupuntura praticamente não apresenta contraindicações. A única ressalva são crianças com problemas de  coagulação, que não devem se submeter à versão com agulhas, a fim de evitar sangramentos. O método é recomendado tanto para tratar ocorrências comuns nos primeiros anos de vida – entre elas, alterações no sono e no intestino, perda de apetite, agitação e irritação – quanto para simplesmente equilibrar a imunidade, prevenindo alergias, gripes e outros problemas respiratórios.

 

NA PRÁTICA

O trabalho do médico acupunturista no atendimento à criança segue o protocolo de qualquer consulta médica (com análise do peso, crescimento e avaliação de eventuais exames). Além disso, o profissional analisa duas regiões capazes de revelar o estado de saúde, com base no critério  oriental: a língua e a pulsação. “Características como cor, textura, formato e presença de saburra na língua (aquela crosta branca), além de intensidade e frequência dos batimentos cardíacos, fornecem informações sobre os sistemas internos, indicando se há uma disfunção. A partir daí, definimos se a acupuntura é o tratamento adequado ou se devemos recorrer a outra abordagem, como a medicação”, diz Hsien.

 

POR DENTRO DA SESSÃO

Quem quiser utilizar a Acupuntura Médica para tratar seu filho deve primeiro escolher um profissional de confiança. Juntos, vocês irão definir a melhor abordagem de tratamento: com agulhas (são finas, bem menores do que as usadas em adultos, e posicionadas superficialmente na pele), sementes pequenas como a de mostarda, esferas metálicas, laser, ventosas ou pressão manual. Os especialistas foram unânimes em afirmar que os resultados promovidos pelas agulhas são mais rápidos e eficientes. No entanto, as demais alternativas são válidas, caso seu filho tenha muita aflição das picadas ou arranque o esparadrapo com as sementes (que permanecem fixadas após a sessão), por exemplo.

A alternativa, capaz de trazer mais qualidade de vida e saúde, tem ainda um ponto que conta bastante a seu favor: não tem efeitos colaterais.

auricular_01

AJUDA EMOCIONAL

Entre 2 e 4 anos, as crianças começam a compreender mudanças importantes na rotina delas, como a entrada na escola, uma eventual separação dos pais ou morte na família. Essas situações podem despertar sentimentos como tristeza, medo e raiva, que não devem ser ignorados. “Acreditamos que fatores emocionais estão ligados ao desequilíbrio dos órgãos e o consequente aparecimento de doenças”, diz o médico Lo Sz Hsien. Nesse caso, a acupuntura é indicada para modular a imunidade da criança (diminui as chances de adoecer), combater a ansiedade e trazer bem-estar. Se ela tiver medo de agulhas, busque alternativas. “Além das sementes e do laser, crianças nessa faixa etária podem ser submetidas a sessões com ventosas magnéticas (ímãs)”, sugere o especialista. O tratamento é indolor.

 

ALÍVIO PARA AS FUTURAS MÃES

Para amenizar sintomas comuns à gravidez – como azia, vômitos e dores –, a gestante também pode receber tratamento com a acupuntura. “A técnica está liberada nos nove meses da gestação, para atenuar inchaço, insônia, enjoo, dores lombares e ansiedade”, afirma o pediatra Lo Sz Hsien. E as vantagens vão além: um estudo divulgado no Encontro Anual da Sociedade de Medicina Materno- Fetal, em Chicago (EUA), mostrou que, para diminuir sintomas de depressão, a acupuntura é mais eficaz do que tratamentos específicos para a doença ou massagens. No trabalho feito com 150 gestantes diagnosticadas com o transtorno, o método chinês alcançou o maior índice de melhora. Antes de adotar a técnica, deve-se ficar atenta a importantes recomendações. “É preciso escolher um profissional capacitado, pois existem pontos de acupuntura que têm de ser evitados durante a gestação para não antecipar o parto ou provocar a perda do bebê”, alerta a pediatra Márcia Yamamura.

images

Fonte: http://revistacrescer.globo.com/Bebes/Saude/noticia/2016/02/acupuntura-para-criancas-bebes-e-gravidas.html

Leia mais

Acupuntura na gestação

Na Semente Cristal o atendimento humanizado durante o pré-natal é uma prioridade. Cuidar com carinho, atenção e profissionalismo do núcleo formado pela gestante, seu bebê e pelo pai, neste que é um dos períodos mais importantes na vida familiar, é para nós uma grande missão! A realização de acupuntura é possível e indicada para uma série de situações clínicas vivenciadas durante o pré-natal. Saiba mais lendo a reportagem abaixo, de Bárbara Therrie para o portal Uol.

 

Acupuntura na gestação diminui dor nas costas, inchaço e ansiedade

As grávidas podem encontrar na acupuntura uma grande aliada para aliviar desconfortos clássicos da gravidez como enjoos, vômitos, dor nas costas, inchaço e ansiedade.

“A inserção de agulhas em pontos específicos do corpo visa buscar o equilíbrio físico e emocional da mulher na gestação”, explica Telma Zakka, médica acupunturista, ginecologista e coordenadora do Cômite de Dor Urogenital da Sociedade Brasileira para Estudos da Dor.

mulher-gravida-gravidez-parto-maternidade-saude-1349966321522_300x300

Confira a seguir os benefícios da acupuntura na gestação:

REDUZ ENJOOS E VÔMITOS

Causados pelo desequilíbrio do hormônio progesterona, os enjoos e vômitos costumam aparecer nos três primeiros meses de gravidez e podem ser controlados com a aplicação de agulhas na região do antebraço, de acordo com João Bosco da Silva, acupunturista e professor adjunto da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto.

ALIVIA A DOR NAS COSTAS

A dor nas costas atinge 88% das mulheres devido à sobrecarga da musculatura lombar, que precisa fazer um esforço maior do que o normal para manter o corpo ereto, esclarece a ginecologista Telma. Como o uso de anti-inflamatório deve ser evitado na gestação, a acupuntura é uma boa opção para reduzir este incômodo, pois tem efeito analgésico e libera substâncias como a endorfina, afirma Alexandre Massao Yoshizumi, acupunturista e vice-presidente do Colégio Médico de Acupuntura de São Paulo.

DIMINUI O INCHAÇO

Durante a gravidez, as alterações hormonais provocam o acúmulo de líquidos entre os tecidos do corpo. É comum que gestantes apresentem inchaços nas pernas, nas mãos e até no rosto. “A acupuntura aumenta a eliminação desses líquidos em excesso através do estímulo da função renal. Normalmente, a gestante conta que passou a urinar muito mais após o tratamento”, explica Alexandre.

MELHORA A ANSIEDADE

A produção de alguns hormônios contribui para a grávida ficar mais sensível e emotiva. Ao agir em neurotransmissores como a serotonina, a acupuntura traz um equilíbrio emocional reduzindo a ansiedade e a irritação. “Durante a sessão, que pode durar de 30 minutos a uma hora, a mulher consegue relaxar e se sente muito mais calma”, relata o médico acupunturista Alexandre.

REDUZ A CONSTIPAÇÃO

O processo digestivo da gestante fica mais lento por causa da diminuição dos movimentos peristálticos. Segundo o professor João Bosco, com o uso da técnica da medicina chinesa, os movimentos intestinais tendem a ficar normais, melhorando o quadro de prisão de ventre bastante comum nas grávidas. “As agulhas são colocadas principalmente nos braços e pernas, raramente no abdômen”, afirma.

AJUDA O TRABALHO DE PARTO

A técnica da Medicina Tradicional Chinesa também pode ser benéfica na hora do parto. “A acupuntura pode estimular as contrações uterinas no período de indução, quando o trabalho de parto está para começar”, diz o acupunturista João Bosco.

“O trabalho de parto é um fenômeno fisiológico e, no geral, as mulheres têm a capacidade de lidar com a dor. No entanto, quando o processo se torna muito difícil para a gestante e é necessária uma intervenção, a acupuntura pode ser utilizada”, explica Roxana Knobel, médica acupunturista, obstetra e professora do curso de medicina da Universidade Federal de Santa Catarina.

Durante o trabalho de parto, as dores ocorrem de forma mais forte e intensa na região sacral e lombar. “Nesses casos, o estímulo com agulhas é feito no osso sacro e o efeito é imediato”, diz Roxana, que alerta: “Por se tratar de uma dor progressiva, a dor do parto não vai passar completamente, vai apenas aliviar com a acupuntura”.

images (2)

EXISTE ALGUMA CONTRAINDICAÇÃO?

Não há contraindicação da acupuntura na gravidez, no entanto, a técnica pode ter efeitos colaterais, como a formação de hematomas no local em que as agulhas foram colocadas, explica Alexandre, vice-presidente do Colégio Médico de Acupuntura de São Paulo.

“A aplicação das agulhas provoca uma dor mínima e a gestante pode ter queda de pressão ou tontura devido à ansiedade, quando ela não conhece a prática. É muito importante a escolha de um bom profissional”, alerta João Bosco, professor adjunto da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto.

https://estilo.uol.com.br/gravidez-e-filhos/noticias/redacao/2017/07/11/acupuntura-na-gestacao-diminui-dor-nas-costas-inchaco-e-ansiedade.htm

Leia mais

Feliz 2017!

Queridos amigos, clientes e parceiros da Semente Cristal,

Aproveitamos esse momento de celebração com a chegada de um novo ano para agradecer a todos pela confiança em nosso trabalho durante estes 32 anos e anunciar a chegada de novos tempos! Reiniciaremos os atendimentos a partir do dia 17 de janeiro! Em 2017 teremos a presença de novos médicos e serviços! Dra. Tainá Calvette  e Dr. Carlo Hackmann estarão conosco realizando consultas em Medicina de Família, Acupuntura Médica, Clínica Geral, Visitas Domiciliares e atendimentos de urgência! Um Feliz 2017 para todos nós!

Solicite uma consulta através dos telefones: (48)36482087 – (48)984151710 – whatsapp. Nosso agendamento estará disponível pelo telefone a partir do dia 10/01/2017.

Leia mais