Clínica Médica e Spa Semente Cristal | Termas do Gravatal | SC

Horário: : Segunda à Sábado das 8h00 às 20h00
  Contato : (48) 3648.2087 | (48) 98415.1710

Todos posts na categoria: Bem-estar e Qualidade de Vida

Acupuntura para Gestantes

Clínica Médica e Spa Semente Cristal - Acupuntura para Gestantes Post

O período de gravidez é uma fase de sentimentos aflorados e com necessidades especiais. Pela óptica da Medicina Chinesa, acreditamos que a boa formação do indivíduo, seu sistema neuro – imuno – endócrino, sua vitalidade, sua saúde, decorre de uma concepção saudável e com energia suficiente, de uma gravidez equilibrada, e que e mãe também esteja saudável e equilibrada principalmente durante a gravidez.

 

acupunctureA realização de acupuntura e outras terapias naturais é possível e indicada para uma série de situações clínicas vivenciadas durante o pré-natal, como dores, inchaço, ansiedade, cansaço, insônia ou hipersonia, náuseas e vômitos, auxilia na preparação para o parto, regulariza o funcionamento do intestino e etc.

Após o parto, segue-se o período não raramente mais intenso e crítico, de transformações e adaptações emocionais da família, do casal, e da mulher com seu bebê, a ele chamamos de puerpério. Nesse período aparecem dificuldades com a amamentação e/ou dores pelo corpo. O apoio e suporte nessa hora é muito importante.

 

Sintomas não desejados  da gravidez, o que fazer?

  • Enjôos:  Muitas grávidas experimentam enjôos matinais.
  • Dores de cabeça: Dores  de cabeça tanto induzidas pela gravidez quanto anteriores à gravidez, são problemas comuns
  • Dores nas costas e em membros : Em decorrência das alterações posturais e aumento do peso corporal normais na gravidez, dores lombares, sacrais, em região glútea ou ainda nas pernas são sintomas esperados.
  • Saúde emocional: A acupuntura durante a gravidez pode não só  ajudar com a dor física, mas também pode contribuir para melhorar a saúde emocional. Muitas futuras mães, em êxtase e ansiosas por estarem gestando, encontram seus hormônios a flor da pele e suas emoções tornam-se muito flutuantes. A acupuntura, se usada consistentemente, pode ajudar a equilibrar suas emoções.
  • Alguns outros sintomas que podem ser beneficiadas pela acupuntura são alergias, hemorróidas, insônia, dores de forma geral, como auxiliar no trabalho de parto entre outros.

 

O custo-benefício do tratamento costuma ser muito bom, principalmente quando levamos em conta às restrições quanto ao uso de medicamentos na gravidez.  Procure um médico acupunturista, e siga as orientações do seu obstetra.

 

A Clínica Médica e Spa Semente Cristal é um Centro de Referência em Tratamento da Dor e Terapias Naturais e dispõe de um corpo clínico altamente especializado nesse assunto. A clínica atende de segunda-feira a sábado e está situada nas Termas do Gravatal/SC. Agendamentos e consultas pelos fones (48) 3648.2082 ou pelo Whats (48) 98415.1710. Para mais informações acesse o site (sementecristal.med.br).

Clínica Médica e Spa Semente Cristal - Banner Blog

Evite doenças com hábitos saudáveis e boa alimentação.

Em caso de dor ou mal estar procure ajuda profissional.

Não use medicamentos sem indicação/orientação médica.

Leia mais

Dor no Pescoço, o que fazer?

Clínica Médica e Spa Semente Cristal - Dor no Pescoço - Blog

Por incrível que pareça, como a recuperação completa ocorre na maioria dos casos, as recomendações médicas habituais sugerem manter-se ativo, evitando o repouso excessivo, que podem até mesmo agravar as crises de dor. Os analgésicos e relaxantes musculares são remédios úteis no alívio sintomático das dores na fase inicial.

 

Quando a dor é muito intensa, recorrente ou persistente, procure uma avaliação médica. A partir disso, será possível definir o tratamento mais adequado, o qual pode incluir prática de atividades físicas, fisioterapia, acupuntura, medicamentos ou até mesmo uma cirurgia.

 

São algumas causas de cervicalgia:

 

red-3200653_1920Artrose

Também chamada de osteoartrite ou osteoartrose, essa doença provoca a degeneração dos discos que se localizam entre as vértebras da coluna, deixando-a instável. Geralmente, ocorre em decorrência do envelhecimento natural, mas pode ser acelerada por sobrecargas.

 

 

 

Freepik/Divulgação

Estresse Muscular

Estresse ou contratura muscular é a causa de dor no pescoço mais comum. Esse acometimento é caracterizado pela contração incorreta do músculo, deixando-o estático, inflamado, dolorido e, às vezes, com a coluna travada.

Esse processo muitas vezes é chamado por termos como “torcicolo” ou “mal jeito na coluna” e sua origem está no levamento excessivo de peso, má postura, movimentos bruscos, atividades físicas muito intensas e no ato de permanecer muito tempo na mesma posição.

 

massage-3429200_1920Hérnias de disco cervical

A hérnia cervical é um tipo de discopatia, termo que engloba vários tipos de doenças degenerativas de uma região da coluna chamada disco intervertebral, que nada mais é do que um anel feito de cartilagem que é encontrado no meio de vértebras.

A hérnia de disco pode ocorrer em diversas partes da coluna e costuma ser resultante do envelhecimento e dos hábitos de cada pessoa. No caso da cervical, seus sintomas incluem dor, dormência, fraqueza e travamento na região. Em alguns casos, há dor cervical que irradia para o braço e mãos.

 

Infecções

Doenças infecciosas na coluna ou em regiões como esôfago e traqueia também podem provocar sintomas como a dor no pescoço. O alerta para essas manifestações é observar a presença de outros sinais, como dores que permanecem por mais de 15 dias, febre, dificuldade de deglutir, problemas ao respirar, traumas ou quedas anteriores.

 

Tumores

A presença de tumores na coluna também pode se manifestar por dor no pescoço e na cervical, além de formigamento e emagrecimento não explicado. Esses sinais são tão corriqueiros e inespecíficos que muitas pessoas os ignoram por acreditarem se tratar de um caso de dor muscular. Portanto, é preciso estar atento e procurar um médico se os sintomas se prolongarem.

 

Por fim, lembre-se sempre de procurar orientação profissional de especialistas credenciados.

 

 

A Clínica Médica e Spa Semente Cristal é um Centro de Referência em Tratamento da Dor e Terapias Naturais e dispõe de um corpo clínico altamente especializado nesse assunto. A clínica atende de segunda-feira a sábado e está situada nas Termas do Gravatal/SC. Agendamentos e consultas pelos fones (48) 3648.2082 ou pelo Whats (48) 98415.1710. Para mais informações acesse o site (sementecristal.med.br).

Clínica Médica e Spa Semente Cristal - Banner Blog

Evite doenças com hábitos saudáveis e boa alimentação.

Em caso de dor ou mal estar procure ajuda profissional.

Não use medicamentos sem indicação/orientação médica.

 

Leia mais

Tratando a Dor sem Medicamentos

Clínica Médica e Spa Semente Cristal - Sem Medicamentos - Blog

Dor nas costas, dor de cabeça, dor nos ombros, dor tensional… Todos os dias estamos sujeitos a diversos tipos de dor que às vezes custam a passar. O que poucas pessoas sabem é que muitos desses incômodos podem ser aliviados com o auxílio de terapias complementares que dispensam o uso de medicamentos.

 

Antes de falar de tratamento de dores, é necessário entender que a dor é um sintoma, ou seja uma manifestação de alguma doença (que pode ser estrutural, física e até mesmo psicológica). Como tudo na medicina, para obter um bom resultado no tratamento, é muito importante saber o que você realmente tem, e assim decidir qual é o melhor tratamento para você. Para uma mesma dor existem diversos perfis de pessoas que a manifestam, e existem diversos tratamentos possíveis.

Se você prefere não usar medicamentos, conheça algumas terapias úteis.  Acupuntura, eletroestimulação, moxaterapia, fisioterapia, massoterapia além da própria atividade física são exemplos de algumas técnicas físicas que auxiliam no tratamento de dores agudas e crônicas. É possível prevenir e tratar (ou auxiliar no tratamento) de doenças, incluindo algumas dores, com algumas mudanças de hábitos de vida, postura e até através de modificações na alimentação. Há alguns tipos de dores que são mantidas ou pioradas por questões emocionais e padrões de comportamento por exemplo, assim pessoas muito ansiosas, depressivas ou muito “catastróficas” tem uma maior tendência a terem dores de mais difícil tratamento do que pessoas mais protagonistas, com perfil mais positivo, e com uma vida social mais ativa, nesse caso, o auxílio de um psicoterapeuta é de fundamental importância.

É importante ressaltar que quando se fala de tratamento de dor, quase sempre se fala de abordagem multiprofissional. Médicos, fisioterapeutas, nutricionistas e psicólogos devem trabalhar junto em casos de dor crônica. Quando isso é possível, o resultado é muito mais eficaz e satisfatório.

 
Acupunturaacupuncture
A milenar técnica da medicina tradicional chinesa consiste na estimulação de pontos cutâneos específicos por meio de agulhas, regulando o fluxo energético responsável pela fisiologia do corpo humano. Seus efeitos analgésico e anti-inflamatório promovem o tratamento das causas da dor, sejam elas tensionais ou crônicas. A acupuntura atua como terapia complementar e é cientificamente comprovada. A melhora da dor resulta de liberação de opióides endógenos na circulação, atuando como analgésico.

Acupuntura Neurofuncional_DSC5576
Uma técnica médica moderna de neuromodulação periférica desenvolvida para o tratamento da dor, sem o inconveniente dos efeitos colaterais de medicamentos. Os maiores centros mundiais de tratamento de dor usam diversas formas de tratamento com Neuromodulação, como a Estimulação Magnética Transcraniana, a Estimulação Cerebral Profunda e a Neuromodulação Periférica. Embora a Acupuntura Neurofuncional utilize as clássicas agulhas de acupuntura, é considerada uma das formas mais eficazes de Neuromodulação Periférica, além de ser muito mais econômica e plenamente tolerável para todos os pacientes.

Massoterapiawellness-285587_1920 (1)
Consiste em massagear determinadas regiões do corpo. Existem inúmeras aplicações diferentes da técnica, como Do-in,  Shiatsu, massagem relaxante, entre outras. A técnica consiste em massagear determinadas regiões do corpo que funcionam como pontos de energia, estimulando a circulação sanguínea e promovendo o fluxo da chamada “energia vital”. A prática se mostra eficiente no controle de dores crônicas, melhorando a qualidade de vida dos pacientes. É uma espécie de massagem, onde se realiza pressão em locais com inervação sensitiva, como nervo occipital maior para alguns tipos de dor de cabeça, como exemplo, e pressiona-se pontos de gatilho musculares, que são pontos ou bandas inflamadas dentro de um músculo.

jovem-fazendo-namaste-atras-das-costas-praca-de-estudio_1163-2896Mindfulness
Técnicas de relaxamento como mindfulness, ajudam controlar dores tensionais e crônicas. A técnica consiste em atingir um estado mental de atenção plena e autocontrole emocional. O treinamento e aprendizado dessa forma de atenção, geralmente se dá através de técnicas de meditação e de outros exercícios afins, permitindo ao indivíduo uma maior tomada de consciência de seus processos mentais e de suas ações. Na prática, o paciente aprende a se concentrar, a controlar a respiração e entender e aprender a lidar com a dor. Para os praticantes, o ato de perceber a dor ao invés de fugir dela, é o melhor jeito de aliviá-la.

Procure um médico experiente no tratamento de dor e peça orientações, discuta suas vontades e disposição em relação ao seu tratamento!

A Clínica Médica e Spa Semente Cristal é um Centro de Referência em Tratamento da Dor e Terapias Naturais e dispõe de um corpo clínico altamente especializado nesse assunto. A clínica atende de segunda-feira a sábado e está situada nas Termas do Gravatal/SC. Agendamentos e consultas pelos fones (48) 3648.2082 ou pelo Whats (48) 98415.1710. Para mais informações acesse o site (sementecristal.med.br).

 

 

Evite doenças com hábitos saudáveis e boa alimentação.

Em caso de dor ou mal estar procure ajuda profissional.

Não use medicamentos sem indicação/orientação médica.

 

Leia mais
Clínica Médica e Spa Semente Cristal - Dores Crônicas - Blog

Dor Crônica: Mitos e Verdades

Ela vem chegando como quem não quer nada e quando nos damos conta, já é tarde. Logo, a dor passa a fazer parte da rotina de milhões de pessoas, que se acostumam com o desconforto e negligenciam o problema, que pode se tornar crítico, ou crônico.

De acordo com a Associação Internacional para o Estudo da Dor (IASP), uma em cada cinco pessoas no mundo sofre de dores crônicas. No Brasil, estima-se que mais de 40 milhões enfrentam o problema. Apenas nos Estados Unidos, o problema custa mais de 100 bilhões aos cofres públicos anualmente.

A dor crônica é aquela que persiste por mais de três meses. Grande parte delas se instala na ausência de um gatilho ou doença estrutural identificável por exames clínicos e complementares como, por exemplo, a fibromialgia, a lombalgia e as cefaleias crônicas.

Alguns mitos ainda rondam o problema e impedem a busca por tratamento correto. Vamos conferir algumas das dúvidas mais frequentes a respeito desse assunto:

homem-segurando-a-cabeca_23-2147782237

Quanto mais velho eu fico mais dor eu tenho que sentir?

Nem todo mundo que envelhece sente dor. Mas, quanto mais velhos ficamos, mais nossos músculos e articulações apresentam problemas, além de outras doenças, que também causam dor, serem mais frequentes.

 

Se eu me exercitar, a dor e os meus problemas vão piorar?
jovem-fazendo-namaste-atras-das-costas-praca-de-estudio_1163-2896

O exercício na dor aguda na maioria das vezes é contra-indicado, pois tende piorar a lesão e a aumentar a dor. Entretanto, nos casos de dor crônica, o exercício ajuda, na maioria das vezes, a controlar a dor e a aumentar a força, a flexibilidade e o condicionamento físico. O fisioterapeuta precisa saber o melhor momento para indicar exercícios para o paciente, respeitando limites e capacidades.

Ter dor há muito tempo é normal e todo mundo tem?
Sentir dor o tempo todo não é normal e é um fato que precisa ser avaliado. A dor aguda protege, mas a dor crônica castiga e leva a limitações das atividades diárias.

 

homem-jovem-estudante-cansado-de-computador-sentado-na-mesa-de-cafe-com-laptop_1150-3984Conviver com a dor é para sempre?

Algumas pessoas provavelmente vão sentir dor para o resto da vida. Isso depende de vários fatores, principalmente do impacto que a dor teve. A dor quando se torna crônica, acaba se misturando e se confundindo a incapacidade e ao sofrimento. Mas lembre-se: existe controle e existe tratamento.

Devo ficar em repouso se estiver com dor?
O repouso pode ser um amigo mas, também, um grande inimigo. Mesmo nos casos de dor aguda, o repouso deve ser mínimo para se proteger e cuidar da região machucada. Rapidamente devemos voltar às nossas atividades diárias. A dor crônica, muitas vezes, é tratada como dor aguda, o que acaba mantendo os pacientes em repouso. Quando isso acontece, pode ser gerado o encurtamento dos músculos, o endurecimento das articulações, a redução do condicionamento e o aumento da ansiedade com a piora da dor.

 

Porque as mulheres lidam melhor com a dor do que os homens?

Apesar das pesquisas sempre mostrarem diferenças entre as mulheres e os homens, relacionando a intensidade e a tolerância a dor, a maneira como cada pessoa lida com a dor é totalmente individual.

 

Qual o tratamento mais indicado?o-ACUPUNCTURE-NEEDLE-facebook-1024x512

É difícil precisar qual a melhor maneira de tratar uma determinada dor, principalmente se ela já é uma dor crônica. É preciso passar por uma avaliação médica para indicar o melhor tratamento. Entre os métodos mais eficazes e sem uso de medicamentos podemos citar a Acupuntura Neurofuncional, Fisioterapia e outros métodos físicos de reabilitação. No início do tratamento, talvez seja necessário o uso de medicamentos, e seu médico discutirá isso com você. Em alguns casos também é recomendada uma avaliação com nutricionista, psicólogo ou ainda outros especialistas.

A Clínica Médica e Spa Semente Cristal é um Centro de Referência em Tratamento da Dor e Terapias Naturais e dispõe de um corpo clínico altamente especializado nesse assunto. A clínica atende de segunda-feira a sábado e está situada nas Termas do Gravatal/SC. Agendamentos e consultas pelos fones (48) 3648.2082 ou pelo Whats (48) 98415.1710. Para mais informações acesse o site (sementecristal.med.br).

Clínica Médica e Spa Semente Cristal - Banner Blog
Evite doenças com hábitos saudáveis e boa alimentação.
Em caso de dor ou mal estar procure ajuda profissional.
Não use medicamentos sem indicação/orientação médica.
Leia mais
coluna-partida-frida-kahlo

Dor Crônica

Dor Crônica

Estudos mostram que a prevalência de Dor Crônica na população geral varia de 30 a 40%, e estima-se que esses indivíduos procuram os serviços de saúde até 5 vezes mais do que a população geral. Para obter uma boa resposta no tratamento de pessoas portadoras de dor crônica, é necessário antes de tudo conhecer as características destas pessoas. Iniciar com uma boa anamnese (entrevista/conversa), exame físico, e fazer um diagnóstico adequado.

É indiscutível a importância da dor no desenvolvimento do ser humano, sendo a sua função inicial informar sobre um perigo ou instabilidade do organismo. O problema surge quando a dor persiste após a eliminação de sua causa, não cumprindo mais qualquer papel relevante à sobrevivência do indivíduo ou sequer ao seu desenvolvimento pessoal.

Exemplo de dores crônicas:  Enxaqueca ou outras dores de cabeça, Fibromialgia, Lombalgia, Cervicalgia, Hérnias De Disco, Queimação e Dormência nas Pernas ou nos braços, Dor No Ombro, Ombro Congelado, Bursites, Tendinites, Fasceíte Plantar Ou Dores Nos Pés, Bruxismo, Dor Orofacial, Cefaléias, Artrite Reumatóide, Osteoartrite, Dor No Joelho, Dor No Quadril, Dor Pélvica, Dor Neuropática …

Definição de Dor: Sensação e experiência emocional desagradável associada à lesão tecidual, real ou potencial, ou descrita em termos desta lesão.

Dor aguda: sinal de aviso essencial à sobrevivência ou ameaça à integridade. De curta duração, permitindo ao organismo responder a um estímulo e defender-se.

Dor crônica: de difícil identificação temporal e /ou causal, causa sofrimento, podendo manifestar-se com várias características e gerar diversos estados patológicos. Considera-se uma evolução de quadro doloroso por mais de 3-6 meses, e pode ocorrer de forma contínua ou recorrente.

Se você ou algum familiar se encaixam nessas definições, busque ajuda de um profissional! 

Na Semente Cristal podemos ajudá-lo! Agende uma consulta!

Leia mais

Medicina Integral

 

A partir de um olhar sistêmico, o objetivo não é mais o tratamento de um órgão específico, mas sim a compreensão do biológico, do mental, do social, do familiar e do espiritual, além de oferecer ao paciente uma oportunidade de refletir sobre sua prática diária, perceber quais são as necessidades do corpo e da mente, melhorar o estilo de vida, buscar hábitos saudáveis.

A doença não é vista como uma entidade em si, consideramos o processo como um todo, observando com atenção todos os fatores que podem ter influencia no processo de adoecimento, como a qualidade de vida, os hábitos, o sono, os ciclos, a profissão, a alimentação, a postura, tendências, limitações, recursos internos, relações familiares, etc.

Tratamos de pessoas doentes, de pessoas com os mais diversos níveis de desconforto ou sofrimento, de pessoas com dores agudas ou crônicas, físicas ou emocionais, e até de quem simplesmente deseja manter o livre fluxo da vida fluindo adequadamente.

Nosso PROPÓSITO é cooperar com o processo de cura, auxiliar na busca da plenitude.

Aqui o Cuidado tem um significado além de tratar uma dor ou uma doença, mas o sentido de auxiliar o outro a desenvolver suas potencialidades, conectar com o que tem de melhor dentro de si, voltar a vibrar e recuperar sua saúde em todas as dimensões.

Solicite uma consulta! Recomende a um amigo ou familiar! Informe-se!

 

Leia mais

Respiração Diafragmática

Quando usar a respiração diafragmática?

A técnica é bastante utilizada em pacientes com queixas dos mais diversos transtornos de ansiedade, principalmente em quadros onde há a ocorrência de ataques de pânico. Quando a pessoa fica muito ansiosa (por questões realistas ou por interpretações distorcidas), o cérebro – mais especificamente o sistema nervoso autônomo simpático – dispara adrenalina e noradrenalina no sangue. Com isso, a pessoa experimenta sintomas físicos, tais como palpitações, sensação de falta de ar, tremores, sudorese, boca seca, tensão muscular e tonturas, entre outros. Além disso, há também sintomas cognitivos, como medo de morrer, de enlouquecer, ter um ataque cardíaco ou perder o controle. Quanto mais forte a ativação dos sintomas, maior o pavor – e este sentimento, por sua vez, mantém ativado o sistema simpático, de forma que o organismo demora mais tempo para restaurar o estado de relaxamento.

Os sintomas físicos da ansiedade atuam como uma reação em cadeia, mais ou menos assim: O indivíduo reconhece o perigo (real ou não), logo o cérebro o prepara para lutar ou fugir. Para conseguir realizar essa ação, o metabolismo precisa estar acelerado. Com isso, a frequência cardíaca aumenta, a fim de acelerar a circulação. Para dar conta dessa aceleração, mais oxigênio é necessário – logo, há uma alteração na respiração, podendo causar uma hiperventilação ou a sensação de falta de ar. O sangue, que estava distribuído por todo o corpo, passa a concentrar-se nos músculos maiores, usados para movimentos de luta ou corrida (daí a tensão muscular e a sensação de mãos e pés frios). Além disso, a temperatura interna sobe, provocando o suor.

A respiração diafragmática ajuda a ativar o sistema autônomo parassimpático de nosso cérebro, responsável por inibir a ação do sistema simpático e restaurar a sensação de relaxamento. Por isso ela é uma técnica tão importante para os casos de ansiedade. Além disso, é um bom exercício de distração, ajudando a pessoa a se desvencilhar da hipervigilância aos sintomas físicos e cognitivos da crise.

Como é a técnica?

Após um trabalho de psicoeducação a respeito dos ataques de pânico, da psicologia e fisiologia do medo e da ansiedade e de explicar como uma técnica de respiração pode ser útil para o tratamento, o terapeuta poderá ensinar o paciente a realizar o exercício em si. Esta técnica de respiração consiste em concentrar o ar na região do diafragma (músculo que fica na altura do estômago), fazendo a barriga estufar e voltar ao normal ao puxar e soltar o ar, respectivamente. Deve ser feita lentamente, geralmente usando uma contagem até 3 para inspirar e até 6 para expirar. Para verificar se o procedimento está correto, pode-se colocar uma das mãos sobre o diafragma, para senti-lo subir e descer. Alguns terapeutas recomendam também colocar a outra mão sobre o peito, a fim de que o paciente sinta que a barriga mexe mais que a região pulmonar.

Muita gente não sabe, mas nascemos com a capacidade de respirar dessa forma naturalmente. Se observarmos a respiração de um bebê em repouso, podemos observar a barriguinha subir e descer. Porém, com o tempo assumimos uma postura predominantemente bípede, e passamos a respirar expandindo mais os pulmões que a região diafragmática. Porém, com um pouco de treino, é possível reaprender a usar esse tipo de respiração. O vídeo abaixo poderá ajudar a entender melhor esta técnica e, caso seja do seu interesse, tentar praticar um pouco.

Em psicologia, esta técnica é muito utilizada também no tratamento dos transtornos do sono, uma vez que tem esse caráter de relaxamento. Ao praticar a respiração diafragmática, a pessoa passa a observar melhor a respiração e a dar menos atenção aos demais pensamentos. Por outro lado, esta técnica não é muito recomendada para transtornos depressivos, já que esses pacientes apresentam letargia e, muitas vezes, hipersonia como sintomas do problema que os acomete.

Texto retirado do site http://www.psicologiaexplica.com.br/tecnicas-em-tcc-respiracao-diafragmatica/

Leia mais

Fibromialgia

Acupuntura ajuda a tratar dor na fibromialgia

Pessoas com fibromialgia sofrem com dor em todo o corpo, de forma crônica, além de outros sintomas, como cansaço e rigidez muscular. Não há cura para essa síndrome, mas há tratamentos (com ou sem medicamentos) que podem diminuir a dor e melhorar a qualidade de vida. A Cochrane fez uma revisão de estudos clínicos que compararam a acupuntura ou a eletroacupuntura a outros tratamentos da fibromialgia. A acupuntura é uma modalidade da medicina chinesa que utiliza agulhas finas para estimular certos pontos do corpo, reduzindo a inflamação, estimulando a liberação dos analgésicos do próprio organismo, as endorfinas, e acalmando o cérebro.

Ver mais em http://www.cochrane.org/pt/CD007070/acupuntura-para-fibromialgia

Leia mais
remedios

BENZODIAZEPÍNICOS

Medicações que induzem e mantém o sono muitas vezes são necessárias, mas devem ser usadas por curto período de tempo, no máximo um ou dois meses. Benzodiazepínicos como diazepam, clonazepan, alprazolam, bromazepam, a longo prazo geram dependência química, além de aumentarem chances de quedas, fraturas, demência. Se você for uma pessoa que faz uso crônico destas medicações não deverá interromper este uso de forma abrupta pois certamente terá dificuldades podendo apresentar alguns efeitos “rebote”. Neste caso é importante conversar e procurar o seu médico.

Insônia e outros  distúrbios do sono na imensa maioria das vezes aparecem como consequência de algum outro problema de saúde, hábitos ou estilo de vida.

Leia mais

INSÔNIA

Se você deita para dormir e não consegue, acorda muitas vezes a noite, acorda e não consegue ou demora a voltar a dormir ou ainda tem a sensação de que suas horas de sono não foram reparadoras, você provavelmente sofre do que chamamos de Insônia.

Os sintomas da privação de sono principais são cansaço ou sonolência durante o dia, mau-humor, irritabilidade, dores de cabeça. A longo prazo surgem distúrbios de memória, concentração e ansiedade, depressão, baixo rendimento profissional, aumento de acidentes e envelhecimento precoce.

Insônia e outros distúrbios do sono na imensa maioria das vezes aparecem como consequência de algum outro problema de saúde, hábitos ou estilo de vida.

Você pode experimentar algumas mudanças de hábitos para tentar reverter sua dificuldade em dormir bem ou melhorar a qualidade do seu sono. A isto damos o nome de “Higiene do sono”.

 

 

MEDIDAS DE HIGIENE DO SONO

  1. Limitar o consumo de cafeína (presente no café, alguns tipos de chás, refrigerantes tipo cola, chocolate). Outros medicamentos ou substâncias que podem causar insônia: álcool, agentes antiarrítmicos, cafeína, metisergida, descongestionates nasais, nicotina, termogênicos, escopolamina, alguns anti-hipertensivos, esteroides, estimulantes, hormônios tireoideanos, derivados da xantina.
  2. Realizar exercício físico regular, porém evitá-los à noite.
  3. Estabelecer uma rotina para o horário de dormir e despertar, mesmo nos finais de semana.
  4. Fazer atividades relaxantes e prazerosas antes de ir para cama.
  5. Evitar filmes violentos ou noticiários antes de dormir (de preferência evite colocar aparelhos de televisão no quarto).
  6. Utilizar técnicas de relaxamento – respiração abdominal, meditação, massagear couro cabeludo, contrair e relaxar todos os músculos do corpo.
  7. Tomar banho morno;
  8. Tomar leite morno, ou chás sedativos como mulungu, camomila, erva-doce, erva-cidreira (em pouca quantidade).
  9. Evitar líquidos após as 20h. Caso tenha sede após este horário, realizar bochechos e engolir pouca quantidade de líquidos, para evitar despertares noturnos para urinar;
  10. Alimente-se bem. Não deitar com fome ou estômago vazio. Ter uma dieta neutra e balanceada ao longo do dia, fazer uma refeição leve e pobre em gorduras à noite. Excluir ou tratar doença do refluxo gastro-esofágico, caso a tenha.
  11. Assegurar temperatura agradável e ausência de claridade no quarto;
  12. Assegurar o silêncio no ambiente (se necessário utilizar protetores de ouvido);
  13. Escolher um bom colchão, adequado para seu peso e altura (lembre-se, você passa 1/3 de sua vida em cima dele! Além disso, sua coluna agradecerá!)
  14. Reservar a cama apenas para dormir e para relações íntimas (atividade sexual com prazer, caso tenha parceir@ e vontade – pode ser muito relaxante);
  15. Evitar ler, ver TV, trabalhar ou discutir no quarto.
  16. Tenha um caderno e caneta na cabeceira da cama, para anotar / listar todo e qualquer tipo de preocupação que lhe acometa enquanto estiver deitad@;
  17. Levantar caso não consiga dormir após 20 minutos deitad@. Ficar acordad@ pode aumentar a ansiedade, a irritação e por consequência a insônia. Você pode realizar uma atividade tranquila e retornar para a cama quando estiver sonolent@.

 

Caso você persista com sintomas de insônia mesmo após manejar todas as questões sugeridas, você provavelmente precisa de ajuda, procure seu médico!

Leia mais
Whatsapp